¿Dónde están los otros?

Deve ser uma questão que passa pela cabeça de todo mundo que vai a Buenos Aires: ¿Dónde están los negritos? Se repararmos bem, a cidade com suas tendências italianas, diferente do Brasil, não é um lugar muito simpático à miscigenação.

Vamos a breves e generalizantes explicações:

No território que hoje corresponde à Argentina, os espanhóis, na época colonial, investiram pouquíssimo em mão-de-obra negra. Já os indígenas que estavam no local, levaram o maior couro e foram praticamente dizimados.

O mais curioso não é isso, pois sabemos o quanto os processos históricos são complexos e conturbados e muitas questões perdem suas origens através dos tempos. Curioso de verdade é a literatura formadora da identidade gaucha, ostentar total aversão aos indígenas. Deixo aqui, à guisa de curiosidade, alguns trechos para leitura e espanto:

Y cuando se iban los indios
Con lo que habían manotiao
Salíamos muy apuraos
A perseguirlos de atrás

Tradução:
E quando partiam os índios
Com o que tinham roubado
Saíamos bem depressa
Deles, íamos atrás

Allí sí, se ven desgracias
Y lágrimas y afliciones;
Naides le pida perdones
Al indio: pues donde dentre,
Roba y mata cuanto encuentra
Y quema las poblaciones.

Tradução:
Ali sim, se vêem desgraças
Lágrimas e aflições
Ninguém pede perdões
Ao índio: porque onde surge
Rouba e mata quem encontra
E queima os vilarejos

No salvan de su juror
Ni los pobres angelitos;
Viejos, mozos y chiquitos
Los mata del mesmo modo:
Que el indio lo arregla todo
Con la lanza y con gritos

Não se salvam de seu furor
Nem os pobres anjinhos
Velhos, moços e pequenininhos
O índio resolve tudo
Com lança e com gritos

Moral da história: não se vê negros e indígenas na Argentina, salvo as exceções e vários mendigos, é claro.

Antunes

Belém, 7 de fevereiro de 2010

Diante de Rosas, um dos governos que mais matou indígenas na Argentina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s