Estória Matriz

O homem é um produto do meio. Esta máxima sobrevive aos séculos, tanto que nem dono parece ter mais. Uns dizem Comte, outros dizem Taine, alguns asseguram que foi Ratzel e ainda há os que garantem que foi Marx. O que me parece é que a sabedoria popular tomou pra si falas de diversos autores e deu-lhes um formato mais fácil de decorar e polemizar em qualquer botequim.

Se o homem é, ora pois, realmente produto do meio, como será que é o homem de uma cidade como Paraty? Afinal, a cidade preserva características do século XVIII. Sendo assim, não seria de se estranhar que houvesse alguém com características de um mancebo romântico, um senhor de escravos de ganho, ou mesmo, de um corsário…

Todo este debate parece uma sandice, bem sei, amado leitor. Porém, pude comprovar que a afirmação é excessivamente verdadeira. Estávamos, minha esposa e eu, a filmar a bela Paraty quando, na Praça da Matriz, percebemos a presença de um mancebo de casaca preta preocupado em olhar as horas em seu relógio de bolso. Havia chovido toda a noite anterior e, em Paraty, as ruas tornam-se pequenos riachos. De longe, o jovem de casaca preta, avistou a dama que esperava. Encontraram-se próximos às carruagens, que é como chamam as charretes em Paraty. Ao se aproximarem, o jovem pôs-se de joelhos e beijou a mão à jovem. Antes de tomarem um cavalinho, a dama se deteve temerosa de enfrentar uma imensa poça d’água. Foi aí que o mancebo retirou sua casaca preta, atirou-a sobre a poça e acenou para que a donzela atravessasse cuidadosamente sobre seu traje para que não molhasse os delicados pezinhos. Foram-se de carruagem, que antes de sair, passou bem diante do IPHAN.

Antunes
Rio de Janeiro, 5 de setembro de 2010

Chapeuzinho Verde filmando a Praça da Matriz

Uma dama e um mancebo partem na carruagem

Muitas poças, pós chuva em Paraty

Eu diante da Igreja da Matriz em Paraty


Nôla filma e narra a Praça da Matriz


Nôla filma e narra a Praça da Matriz – parte 2.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s