Um de frente proutro: Museu da Ciência e Técnica e Museu da Inconfidência

Toda história é remorso
(Carlos Drummond de Andrade, Museu da Inconfidência)

Se toda a história é remorso, como diz Drummond, o que são os museus, um pote até aqui de mágoas? E muitos são os arrependimentos de Ouro Preto: a escravidão, a repressão aos inconfidentes, a censura…O que são dois museus, então, um de frente proutro? Dois baldes de remorsos que se entreolham? E o que são vários museus, incontáveis igrejas, minas, sobrados… o que é Ouro Preto senão uma interminável lamentação? E o que é este texto senão um lamento sobre o lamento, um chover sobre o molhado?

Antunes
Rio de Janeiro, 22 de setembro de 2010


Visão geral da Praça Tiradentes, Centro de Ouro Preto.


Museu da Inconfidência, poema de Carlos Drummond de Andrade, lido por mim, Vinícius Antunes

Museu da Inconfidência de frente para o Museu da Ciência e Técnica

Museu da Ciência e Técnica de frente para o Museu da Inconfidência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s