A senhora diante da igreja sem deus

Era uma mulher miúda, mas muito maior que a igreja. Não entrou ali porque não cabia (além da porta estar fechada, é claro). Cerrou os olhos e fez uma oração a si, pra si, ali na rua mesmo. Orou sei lá o que, pois sua voz era tão alta que não se podia ouvir. Uns dizem que é uma senhora tão velha que esteve presente no nascimento de deus – e no seu enterro também. Não é amiga dos anjos, nem do diabo, não é amiga de ninguém. Viveu sozinha, morreu sozinha e continua a andar sozinha pelas ruelas de Ouro Preto.

Antunes
Rio de Janeiro, 5 de outubro de 2010

2 Respostas para “A senhora diante da igreja sem deus

  1. O texto assim, quase me soa como cantiga de ninar. Só que melhor.

  2. Belo miniconto! Essa “senhora diante da igreja” é um personagem interessante. Pode virar um conto maior. Se resolver escrever, posta e me avisa. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s