Crônica falada 5: Maracanã – Canto das Torcidas

O doutor Vinícius Antunes (eu mesmo) analisa linguística e semanticamente os cantos das torcidas dos principais times do Rio de Janeiro (Vasco, Fluminense, Botafogo e Flamengo) no Maracanã. Um estudo revolucionário da literatura pós-moderna. Obs.: O amigo citado no vídeo é o Roberto.

Para ver os todas Crônicas Faladas, clique aqui

Antunes
Rio de Janeiro, 16 de março de 2011

5 Respostas para “Crônica falada 5: Maracanã – Canto das Torcidas

  1. kkkkkkk Rapaz, eu não fazia ideia dessas letras. Valeu!

  2. Concordo com a Ceres. Confesso que fiquei surpresa que a do flamengo seja a única que não tenha tido palavrão nesse vídeo – a menos que vc considere sadan hussein como tal.
    haha, mt bom

  3. Pri e Carla, Carla e Pri

    Brincadeiras à parte, as músicas de torcida são fenômenos linguísticos e sociológicos muito interessantes. Nos anos 80 (quando ganham força extrema) assumem um caráter de alegria e de irreverência muito forte. Nos anos 90 surge um movimento que dá ênfase à violência, os cantos enfocam o nome das torcidas organizadas, triplicam o número de palavrões, inserem nomes de armas (nesta época, os sites clandestinos das torcidas divulgavam até os rivais que haviam matado). Na primeira década deste século, há uma tentativa de retomada da paixão pelo time, surgem as paródias de músicas de amor e pop: Ivete, Mamonas, Los Hermanos…
    É um tema pelo qual sou apaixonado, sei muitas músicas de torcida de cabeça e fiz questão de recitá-las na íntegra, pois muita gente desconhece o ambiente de um estádio de futebol. Fica a dica de pesquisa e entretenimento.
    Beijos pras duas das mais importantes e ilustres visitantes que tenho.

  4. Vixe, lista de rivais eliminados já não é coisa de torcida, é de quadrilha! O tema é interessante, sim. E a Pri pode ter uma certa razão quanto a usarem o nome do Sadan com a mesma agressividade dos palavrões. Prefiro o grito da torcida do XV de Piracicaba. 🙂 http://www.youtube.com/watch?v=ntQKM2tsBKM
    É mais inocente e brinca com o sotaque caipira da região.
    Beijos, Pri e Vinícius!

  5. Vinicius, adorei! Muito interessante e divertido. Quado precisar de outra locação para filmes nos quais o Maracanã esteja dentro do tema, sinta-se a vontade para me ligar e marcar uma visita com a Manu e a sua equipe. Vocês vão adorar a vista. Será um prazer recebe-los. Aliás, não é preciso de pretexto para isso. Há! Eu respondi o e-mail do seu comentário, você recebeu?
    Saudades de Vcs!
    Bjos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s